Como Usar O Canva: Para Que Serve O Canva Online?

“Canva, Canva, Canva” sempre ouvimos falar que temos que aprender como usar o Canva em todo o lugar que vamos. Mas afinal, para que serve esta ferramenta?

Muitos dizem que o Canva serve para realizar trabalhos de design gráfico sem precisar ser designer; outros dizem que é uma ferramenta para criar slides, apresentações, etc. 

Na verdade, a primeira descrição é muito genérica e a segunda muito limitada; a verdade é que hoje vamos te explicar como usar o Canva e dar várias dicas do que criar com esta ferramenta.

Está curioso(a)? Então, bora continuar a leitura do artigo!

 

O que é o Canva?

Esta é uma ferramenta de edição e criação de imagens, que permite fazer edições em arquivos de imagem com muita facilidade. É realmente uma ferramenta capaz de simplificar o trabalho de um designer gráfico, como muitos dizem por aí.

Entre seus diversos recursos, é possível:

  • Criar slides
  • Criar montagens
  • Criar GIFs
  • Criar vídeos e animações
  • Criar imagens de redes sociais (capas, fotos de perfil, anúncios, imagem para post, destaques do Instagram, ícones para lojas, etc.)
  • Criar cartões de visita
  • Criar anúncios e recursos para campanhas de marketing (banners, pop-ups, protótipos de landing pages, etc.)
  • CVs e Portfólios
  • Aumentar a qualidade de imagens
  • Remover fundo de imagens (trabalho de Photoshop)

Sim, dá para fazer tudo isso com o Canva. Está começando a entender porque todos dizem que essa ferramenta é maravilhosa, e você também deveria começar a aprender a usá-la?

Além de tudo, o Canva ainda possui um banco de imagens próprio. Sabe aquelas imagens que você encontra no Google com marca d’água escrito “Shutterstock”? É “tipo isso”.

Esse banco de imagens serve para realizar edição de imagens do próprio Canva. Ou seja, sem infringir nenhum direito autoral. O Canva paga pelos direitos autorais das imagens de vários artistas e disponibiliza em seu banco de imagens para que seus usuários possam utilizá-las. Além disso, a plataforma conta com inúmeros elementos visuais, como ilustrações, símbolos, gráficos, letras personalizadas, avatares e muito mais.

É sério! Independentemente do que você faz: freelance, algum tipo de design, é universitário, portfólio de apresentação da sua empresa, ou até mesmo se é um estudante do ensino médio: você com certeza conseguirá utilizar o Canva para várias das suas atividades.

 

Como usar o Canva? Ele é realmente gratuito?

Como usar o Canva Gratuito

Como quase toda grande plataforma, sim: é gratuita no sentido que ela lhe dá um gostinho do que você pode fazer com a ferramenta; mas não: você não poderá acessar todos os recursos do Canva apenas com uma conta com plano premium.

Um exemplo disso é o banco de imagens que mencionamos anteriormente. Se você acessar o Canva agora, poderá achar várias imagens sem o ícone de item premium. Porém, boa parte das imagens irão requerer um plano pago e terão um ícone pequenininho, de uma coroa que indica se o arquivo é gratuito ou VIP.

Agora você já sabe mais ou menos o que é o Canva e as ideias do que fazer com ele já devem estar surgindo. Mas, para tomar a decisão de começar a utilizar essa ferramenta de verdade, você precisa ter uma primeira experiência real. Só assim entenderá a facilidade que é realizar projetos profissionais com essa ferramenta.

Por isso, vamos abordar agora um pequeno tutorial de como fazer as seguintes atividades:

 

Como fazer posts profissionais para as redes sociais?

Como usar o Canva e seus Templates

Até mesmo com a versão gratuita do Canva é possível criar imagens profissionais para seus projetos em redes sociais. Você acredita?

Podem ser capas e posts de Facebook e Twitter, thumbnails para o YouTube, banners para o LinkedIn, etc. Sem pagar um tostão, você fará excelentes artes com recursos gratuitos! E tudo isso com uma facilidade imensa, quer ver?

Primeiramente, você deve entender o que são os elementos do Canva: cores, imagens e textos, principalmente. Cada aspecto do seu projeto é concebido como um elemento diferente e pode ser editado separadamente, formando um conjunto final de elementos que resultam em uma imagem complexa e, se bem realizada, harmônica.

Releia o parágrafo acima para que ele faça ainda mais sentido, pois ele é o funcionamento básico do Canva – e até de outras ferramentas de design.

Pronto: agora podemos colocar a mão na massa e sentir o potencial da plataforma na pele. Acesse o Canva, crie sua conta, faça login, acesse a página inicial e vá para os templates. As opções de template já estarão categorizadas para facilitar ainda mais o seu trabalho.

Neste caso, vamos criar um post para Facebook, pois esta é a maior rede social do mundo (em termos de usuário) e provavelmente é relevante para a grande maioria dos leitores deste blog.

Selecione qualquer template cuja forma inicial tenha te agradado, confirme o uso do arquivo selecionado e bora começar a criar.

Pronto, você chegou ao editor do Canva e já tem um protótipo da sua criação. Se sua imagem estiver pequenininha, ajuste o zoom entre 40% e 100% (de acordo com o seu monitor) para você visualizar melhor seu projeto.

O primeiro passo é definir sobre o que falará em seu post. No exemplo, criaremos um post para promoções de doces e salgados.

5 1

Lembrando: no Canva cada elemento tem vida por si. Portanto, vou alterar a imagem do meu template e adicionar uma imagem que tenha a ver com o sentido do meu post. Para isso, na barra preta, à esquerda da tela, vou clicar em “fotos” para abrir o banco de imagens do Canva.

Lá irei buscar por “doces de padaria”. Então, escolherei uma imagem que me agradou e substituirei a imagem do template por ela. Se eu não achar uma imagem que me agrade, posso aplicar filtros para especificar minha busca.

6 1

Para deletar a imagem do template, clique nela e pressione “delete” em seu teclado. Para adicionar uma imagem nova, clique e arraste a imagem desejada para cima do editor do Canva, no local original do espaço para imagem do template que selecionou.

7 1

Se a imagem não couber no espaço perfeitamente, você pode realizar ajustes nas dimensões esticando ou reduzindo a imagem. Porém, você não poderá mover as proporções e distorcê-las

O Canva até permite esta função, mas para quem tem um bom senso estético e um pouquinho de experiência em fazer posts, a verdade é essa: distorcer é tudo, menos profissional e harmônico. 

Outra possibilidade é dar dois cliques na imagem e ajustar o enquadramento. Estas são as partes mais chatinhas, então se você se sair bem aqui, pronto! É sucesso na certa.

8 1

 

Como editar o texto do template e outros detalhes?

Para não ficar confuso, vamos de novo título!

O processo é bem simples: clique no texto para selecioná-lo. Então, você pode substituir pelo o que quiser, de acordo com o intuito do seu post e a abordagem que utiliza para falar com o seu público. 

Alguns templates precisam de espaço para fazer uma chamada-para-ação, outros para pequenos títulos, anúncios, etc. Se você não tem muita ideia de o que quer fazer com o seu post, siga o sentido do seu template. Se já escolheu um template que não tem muito a ver com seu negócio e está sem ideias, pode voltar ao menu de templates do Canva e selecionar um novo, mais próximo do seu nicho. 

Respeite a intenção por trás do texto e tente apenas recriar palavras que se agreguem à intenção do post.

9 1

Descreva também as suas promoções, os dias em que elas estão valendo, o prazo para término, etc. Se seu negócio for local, é interessante deixar seu endereço na imagem também.

Bom, uma vez que você clicar no texto, aparecerão opções lá em cima para você alterar cor, fonte, tamanho da letra, etc. Explore as alternativas e veja quais gosta. Você verá que o Canva tem uma infinidade de fontes em relação a outras ferramentas, mesmo em sua versão gratuita.

Além do texto, você pode também mexer no enquadramento e outras características do layout. Porém, como seu template já tem efeitos e está esteticamente harmônico, você não precisa alterá-los.

Altere somente as cores a seu gosto e caracterize a arte com a identidade visual da sua marca. Se ainda não possuir uma paleta de cores definida, o Coolors pode te ajudar com isso. 

Ou o próprio Canva: no menu da esquerda, vá para “estilos” e depois para “núcleos”. Você verá primeiro uma paleta de núcleos do modelo selecionado. Porém, abaixo, há uma série de paletas de cores harmônicas para você escolher. Quem sabe você não encontra a paleta ideal para representar uma identidade visual da sua marca!?

10 1

Porém, se estiver meio perdido e não conseguir criar uma paleta de cores na hora, o Canva também lhe mostrará as cores da foto utilizada pelo template. Dessa forma, você consegue um visual harmônico para seu post mesmo ainda não tendo pensado na Identidade Visual da sua marca. Você encontra esse recurso no menu de cores de cada elemento.

13 1

Enfim, escolha sua paleta de cores e clique nela. Os elementos serão alterados automaticamente.

Tá vendo como é fácil usar o Canva!? E olha quantas possibilidades!?

Mas ainda não é o fim…

 

Como adicionar enfeites e personalizar o post?

Esta é, para mim, a parte mais divertida. Afinal ela é a mais pessoal e dá personalidade para o post.

11 1

No exemplo em que estamos trabalhando, vou trabalhar com  padrões (patterns)  para enfeitar o post. Para fazer o mesmo, vá no menu da esquerda, clique em elementos e realize uma busca. Vou trabalhar aqui com a palavra-chave “bakery pattern”, que em português significa “estampa/padrão de padaria”. 

Essa é outra ótima dica para encontrar bons elementos com mais facilidade: pesquisar os termos em inglês, assim você amplia o número de resultados que irão aparecer do banco de imagens do Canva.

No caso do meu design, redimensionei a estampa para que ficasse do tamanho do meu post e cliquei em “enviar para trás”. Dessa forma, ela não ficaria na frente do meu texto ou da foto.

12 1

Para dar vida ao seu post, primeiro, adicione um elemento do seu gosto, redimensione seu tamanho, redefina suas cores e faça outros ajustes para que fique harmônico com o resto do seu design.

Também no menu de cima, clique em “animação”. Você poderá fazer os elementos “surgirem” de inúmeras formas, deixando o post divertido, ou chamando o foco do público para um ponto específico da imagem.

Patinhas de bicho, ícones de lâmpada para simbolizar ideias, alto falantes para chamar a atenção, balõezinhos de fala caso use um bonequinho no post… São tantas coisas que você pode encontrar neste menu e simplesmente arrastar para incrementar seu post que fica impossível listar todos aqui.

Tudo depende do seu nicho e da sua intenção com o post. Por isso disse que esta era a melhor parte: a personalização com a sua identidade, pois você dá vida a um arquivo de design de alta complexidade através de poucos cliques e um pouquinho de metodologia.

E aí!? Gostou do seu produto final? Se sim, você pode baixar em uma infinidade de formatos… JPEG, PNG, GIF, PDF, etc. Basta clicar em “baixar” no canto superior direito da tela, selecionar o formato desejado e então baixar!

14

Além disso, alguns formatos como o JPEG permitirão que você altere a qualidade do arquivo para variar o peso da imagem. Recomendo sempre que observe bem se o formato desejado oferece opções extras para você sempre configurar o máximo de qualidade. Tudo isso deve ser feito antes de baixar. Porém, para alterar para a qualidade máxima, precisará ser usuário premium.

Se não gostou do produto final, não tem problema. Repita o processo desde o início, pois agora você já está mais habituado(a) com os recursos básicos do Canva e exercitou seu senso de estética, simetria, entre outros. Sua próxima criação vai parecer ainda mais bem elaborada e tenho certeza que irá lhe agradar. Se ainda assim não ficar do agrado, descanse. Volte amanhã e tente de novo, pois design é prática e repetição. Você vai conseguir utilizar o Canva em até uma semana se tentar todos os dias. Eu prometo!

Para obter melhores resultados, você também pode adicionar imagens do seu computador ao arrastar o arquivo da imagem para o quadro de edição do Canva. Assim, as imagens ficam com maior qualidade. Outra possibilidade é assinar o plano premium para ter acesso ilimitado aos recursos dessa ferramenta. Tenho certeza que a maioria dos itens que você amou eram arquivos VIP, né!?

Já passei muito por essa situação também, por isso recomendo demais que você acesse os recursos premium dessa ferramenta. As possibilidades de criação são imensas e o custo-benefício é excelente.

 

Que outras coisas posso fazer com o Canva?

Vamos explorar toda essa versatilidade?

Como usar o Canva para Criar Slides

15

Quer fazer uma apresentação para a faculdade, escola ou trabalho? Use o Canva para deixar tudo mais artístico do que os layouts padrões das ferramentas que vêm instaladas em seu computador.

Vá para a página inicial do Canva, depois “criar um design” e então “apresentação”. De cara, sem nenhum esforço você já terá inúmeros templates GRATUITOS, muito bem trabalhados para dar vida à sua criação.

Se quiser explorar imagens, formas e ícones, você pode. Se não quiser, tudo bem… os recursos gratuitos são suficientes para muitos objetivos. Só depende do grau de formalidade e complexidade do que você está promovendo.

 

Como usar o Canva para Criar Provas Sociais

16

Só elas têm o poder de levar o público para o site da sua marca pela simplicidade, compaixão e/ou afetuosidade. 

Muitas vezes, essas palavras tão cruciais para a nossa vida pessoal são deixadas de lado na vida profissional; de repente, recebemos um feedback super carinhoso de clientes que amaram o nosso serviço/produto e deixaram um grande elogio, seja em um comentário, e-mail pessoal, texto com marcação nas redes sociais, etc.

Eu, pelo menos, me sinto arrepiada quando esse tipo de coisa acontece, e me sinto mais confiante de que estou no caminho certo.

Porém, como todo bom profissional, não podemos nos deixar levar somente pelas sensações e temos que reconhecer que esta é uma ótima oportunidade para gerarmos tráfego!

Provas sociais são demonstrações de pequenos relatos que nossos clientes deixaram, que podem servir para convencer outros clientes que os seus serviços funcionam e são excelentes.

Com o Canva, você pode criar molduras para deixar esses relatos ainda mais encantadores e compartilhar uma prova social nas redes sociais. Essas mensagens, que já tem o poder de serem tocantes, ficam ainda mais charmosas, e irão atribuir mais credibilidade a sua marca.

É bem simples: apenas vá para o menu de elementos e já poderá encontrar enfeites e molduras para contornar o texto do relato do cliente. Adicione elementos que façam sentido com sua marca (identidade visual), encontre uma fonte que combine com a moldura e digite o relato do seu cliente.

Por fim, é interessante mencionar que é ético, belo e moral pedir a autorização para assinar o nome da pessoa que fez o relato em sua publicação. Isso adiciona poder ao post e demonstra que ele é 100% verídico, já que as pessoas poderiam muito bem confirmar a veracidade do relato com o dono da assinatura.

 

Como usar o Canva para Criar Posts para Instagram

17

Se você acompanha o Cursana, sabe que posts para o Instagram devem ser divertidinhos, escaneáveis e chamativos de primeira mão. E sim: eles dão muito trabalho para fazer.

O Canva, no entanto, pode ser a solução para boa parte do esforço requerido, pois são milhares de templates para instagram disponíveis gratuitamente. Stories, post no formato de série, post casual, post didático, etc. São inúmeros designs para você escolher.

Você também pode filtrar as buscas para encontrar templates mais direcionados para sua área. Se estiver querendo abusar do que está trendando na internet, o Instagram dá algumas sugestões. Se quiser explorar ainda mais, você pode sempre consultar o Google Trends e planejar posts com alta chance de viralizar.

Sim, indiretamente o Canva também serve para crescer na internet. Fácil e rápido, você também deve utilizá-lo!

E sim, são milhares de templates somente para o Instagram… ainda tem os voltados para o Facebook, stories do Facebook…

 

Quais os recursos e as vantagens do Canva Pro?

3 1

A primeira grande vantagem do Canva Pro é o acesso ilimitado ao banco de imagens. 

Como já vimos aqui, parece que todos os melhores itens para utilizar possuem o símbolo de item VIP, para nossa tristeza. O número de imagens premium já ultrapassa 75 milhões, e os templates passam de 400 mil.

Outra funcionalidade é a capacidade de fazer upload dos seus próprios templates. Com o plano pro, você poderá utilizar até 100GB de arquivos, o que é uma quantidade mais do que suficiente para não precisar se preocupar com armazenamento.

Apesar de ser possível que você não tenha percebido, a quantidade de paletas de cores e fontes também são limitadas no Canva Free. Se assinar o plano pro, poderá adicionar novas fontes e paletas de cores para personalizar cada vez mais suas criações com a identidade visual da sua marca.

Para fechar, você também terá acesso a uma ferramenta mágica para remover fundo de imagens (automaticamente e/ou manualmente) e acessar o histórico de versões das suas criações para caso tenha avançado seus projetos sem salvar, mas por algum motivo precise de versões antigas.

Tanto a experiência quanto os recursos melhoram muito e os valores não estão caros em relação à oferta! Confere lá!

 

Conclusão: Como usar o Canva Online para meus projetos?

Para usar o Canva Online, basta abrir o navegador e ir para “canva.com”, não tem mistério! Se já tiver feito o login uma vez, entrará diretamente para a página inicial e poderá escolher o que fazer dentro desta maravilhosa e completíssima ferramenta!

Escritores, designers gráficos, empreendedores que precisam realizar apresentações e convocar reuniões, universitários… o Canva foi lançado em 2012 e cada vez conquista mais público.

Você com certeza entender como usar o Canva para crescer e/ou facilitar seus projetos, então agora é usufruir das praticidades desta ferramenta e praticar para criar melhores designs a cada dia.

Amazon Coaching Grátis

Venda 25K Dólares com apenas um Produto no Amazon.

Artigos Relacionados

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

18 − três =

- Ana Pereira -spot_img

Últimos Artigos