Quais cores você deve usar para sua marca pessoal?

Opiniões expressas por Empreendedor os contribuintes são seus.

Quando se trata de marca pessoalo certo têm o poder de atrair clientes e oportunidades, enquanto as cores erradas podem fazer exatamente o oposto. Então, qual é o segredo para escolher cores que o levam ao C-suite e fechando negócios maiores?

O primeiro passo para descobrir isso é entender o psicologia das cores. A cor tem o poder de influenciar o comportamento humano. Pode ser utilizado para induzir um humor ou emoção desejada em alguém e provocar uma resposta desejada (Masterclass Staff, 2022).

As cores são divididas em várias categorias, sendo as mais comuns as cores primárias e secundárias. As cores primárias são definidas como cores a partir das quais todas as outras cores podem ser criadas por mistura. As cores primárias são:

Cores secundárias são criados pela mistura de duas cores primárias, sendo as mais comuns:

Relacionado: Confie na ciência para ajudá-lo a construir sua marca pessoal

A psicologia das cores

Cada cor pode variar em intensidade, também conhecida como croma (pense, azul elétrico versus azul marinho) e seu valor (claridade ou escuridão). Aqui está um guia de referência rápida:

Vermelho é apaixonado e enérgico. que usam vermelho em sua marca estão tentando comunicar emoçãovibração e ação.

Azul é calmante e confiável. É por isso que muitos serviços financeiros e de saúde usam o azul em sua marca.

Amarelo é alegre e otimista — perfeito para marcas que desejam comunicar felicidade e positividade.

Verde é refrescante e natural, tornando-se uma excelente escolha para marcas ecológicas e focadas na saúde.

Laranja é enérgico e brincalhão, muitas vezes usado por marcas visando o público mais jovem.

Roxo está associado à realeza, luxo e mistério. Se você deseja transmitir uma sensação de sofisticação e elegância em sua marca, o roxo é o caminho a seguir.

Preto, branco e marrom são consideradas cores neutras, mas também evocam emoções:

  • O preto é poderoso e misterioso.

  • O branco é puro, sofisticado e simples.

  • O marrom é uma mistura de todas as cores primárias e é natural, terroso e forte.

Quando se trata de marca pessoal, você quer que as cores da sua marca representem quem você é e autenticidade é tudo. Escolher a cor da sua marca não é um jogo de “esperar pelo melhor”. É uma abordagem científica que começa com o esclarecimento do que você deseja alcançar e como deseja ser percebido pelo seu público ideal.

Por exemplo, digamos que você seja uma enfermeira responsável que deseja alavancar o poder de uma marca pessoal para assumir uma função administrativa. Nesse caso, você pode escolher cores que transmitam compaixão, excelência e liderança.

Vamos usar a Kaiser Permanente, uma organização de saúde sem fins lucrativos, como exemplo. O da marca usa um azul calmante para representar “lealdade e confiança”, enquanto o branco traz equilíbrio e paz ao logotipo. Quando você olha para o logotipo da Kaiser, como você se sente? Você vê como esta grande organização usou a cor para fazer a marca se sentir “humana”?

Relacionado: Infográfico: Psicologia da Cor no Branding

Seja claro sobre como você quer ser percebido pelos outros

Agora que você tem uma visão geral da psicologia das cores, é hora de entender como você quer que os outros vejam e experimentem você. Quais são as três palavras que você quer que as pessoas usem quando descrevem você? Que cores vêm à mente quando você ouve as palavras ardente, ousado e ambicioso?

Pergunte a si mesmo como sua indústria e/ou nicho são vistos. Você esperaria ver um médico em consultório particular usando rosa e roxo em sua marca? Outro ponto a ser considerado ao pensar sobre os padrões do setor é: você deseja revolucionar o setor ou oferecer uma abordagem um pouco diferente?

A cor principal da sua marca é a cor que você usará com mais frequência. Deve exigir atenção. Visualmente, é a estrela do seu show e é usado em seu logotipo, site, mídia social e materiais de marketing. As cores secundárias da sua marca são as cores que você usará com menos frequência em sua marca. Eles podem acentuar alguns aspectos do seu site ou adicionar interesse visual.

Relacionado: Entendendo o poder do design e da marca

Consistência é fundamental

Agora que você conhece a psicologia por trás da escolha do cores certas para sua marca, é essencial usar suas cores de forma consistente. Você usará as cores da sua marca em seu site e materiais de marketing.

Outra área em que as cores da sua marca devem ser consistentes é no seu traje. Muitos líderes e empreendedores erram o alvo ao exibir a presença da marca na maneira como se vestem. Se você planeja falar em público, participar de eventos ou fazer networking, use as cores da sua marca! Ao aparecer “na marca”, você se destacará na multidão e se tornará inesquecível.

Se avançando na carreira é o seu objetivo, considere usar as cores da sua marca em sua assinatura de e-mail, nas mídias sociais e em qualquer outro lugar em que você apareça. Para permanecer consistente, você também precisa conhecer os códigos hexadecimais da cor da sua marca.

O que é um código hexadecimal?

Um código hexadecimal é uma combinação de seis dígitos de números e letras para especificar uma cor. Os códigos hexadecimais começam com um sinal de libra (#) e são seguidos por seis caracteres, três números e três letras. Por exemplo, o código hexadecimal para azul elétrico é #00FFFF.

Os códigos hexadecimais são essenciais para a marca pessoal, pois garantem que as cores da sua marca sejam consistentes em todas as plataformas. Quando você usa códigos hexadecimais, pode ter certeza de que o azul em seu logotipo corresponderá ao azul em seu site e o verde em suas postagens de mídia social corresponderá ao verde em sua assinatura de e-mail.

Uma prática recomendada é criar um guia que descreva suas padrões de marca, incluindo sua paleta de cores, palavras que descrevem sua marca etc. Este documento é conhecido como guia da marca e também pode incluir logotipos, fontes e até mesmo os filtros que você usa nas redes sociais. À medida que sua marca cresce, todos em sua equipe conhecerão os padrões e poderão manter facilmente o mesmo nível de consistência.

A cor é uma ferramenta essencial que não deve ser negligenciada para a marca pessoal. Ao entender a psicologia da cor e escolher cores que se alinham com seus objetivos e valores, você pode criar um ambiente forte e marca pessoal reconhecível.

Source link

Amazon Coaching Grátis

Venda 25K Dólares com apenas um Produto no Amazon.

Artigos Relacionados

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

dezoito − dezesseis =

- Ana Pereira -spot_img

Últimos Artigos