Programa de afiliados: por que eles são o futuro das vendas online?

Neste conteúdo você vai saber sobre

O mercado global de marketing de afiliados já movimenta mais de 17 bilhões de dólares e tudo indica que esse valor deve aumentar nos próximos anos.

As pessoas estão começando a entender que a internet não é só um lugar para fazer pesquisar, comprar e se distrair. Com o boom das redes sociais e das vendas online, muita gente também descobriu que é possível fazer muito dinheiro com essa ferramenta.

Nesse contexto, os programas afiliados surgem como uma das formas mais viáveis para te ajudar a participar desse movimento e garantir sua fatia dos recursos disponíveis desse mercado.

Afinal, tudo indica que esse tipo de sistema de negócio e o universo do marketing de afiliados são tendências que vieram para ficar. E o mais importante: essas tendências serão determinantes no sucesso das vendas online.

O que é um programa de afiliados

Para entender o sucesso dessa estratégia de negócio, primeiro você precisa descobrir o que é um programa de afiliados. Ele consiste num sistema de vendas digitais que ajuda a empresa a comercializar seus produtos.

Redação Outro Dia Newso seu Site de Notícias com Dicas e informações do cotidiano na palma da sua mão. Portal completo e atualizado diariamente, acompanhe as nossas editorias.

Para isso, ela permite que as pessoas cadastradas no programa consigam divulgar os produtos e serviços da empresa em seus próprios canais de comunicação, como redes sociais e blogs.

Em troca, quando a venda é finalizada, a pessoa que divulgou o produto, também chamada de afiliado, recebe uma comissão.

Na prática, o programa de afiliados permite a construção de um fluxo constante de venda passiva, que requer um investimento baixo e o compartilhamento de receita.

Principais números sobre o mercado de afiliados digitais

Os dados mostram que o mercado de afiliados é gigante e está em expansão. De acordo com uma pesquisa realizada pela Market Research, atualmente o mercado global de marketing de afiliados é avaliado em cerca de US$ 17 bilhões.

Esses números favoráveis estão relacionados ao impacto que a política de afiliado tem causado nas empresas e consumidores. Para você ter uma ideia, quase 43% da receita do setor de varejos é resultado de um trabalho com marketing de afiliados.

Isso também está relacionado a uma mudança no perfil dos consumidores. Segundo o Relatório Especial do Edelman Trust Barometercerca de 77% das pessoas buscam resenhas positivas e recomendações de produtos e serviços na internet antes de finalizar a compra.

E quando olhamos para os números alcançados por influenciadores, que geralmente são engajados em programas de afiliados, os resultados são ainda melhores. Não à toa,uma pesquisa da Rakuten Marketing aponta que cerca de 88% das pessoas admitem já ter comprado algum produto indicado por influenciadores.

Benefícios dos programas de afiliados

A estratégia do marketing de afiliados permite que a empresa amplie seus canais de influência e aumente sua presença no mercado. Afinal, os afiliados têm um alcance e uma influência que pode ser maior do que as mídias tradicionais ou que os canais de comunicação da empresa – conseguindo vender muito mais.

Por outro lado, essa estratégia também beneficia o afiliado, que tem a oportunidade de criar uma fonte de renda segura e confiável. Utilizando diferentes canais e estratégias de marketing de influência, o afiliado consegue até mesmo transformar esse trabalho digital na sua principal fonte de renda.

A melhor parte é que esse lucro pode ser construído por meio de um trabalho flexível, que pode ser realizado sem sair de casa.

Trabalho sério, sem falsas promessas

A internet está cheia de pessoas vendendo promessas de que é possível ficar rico da noite para o dia e sem muito trabalho. Mas não se engane: este pensamento não pode ser aplicado ao programa de afiliados. Quem participa desse trabalho tem sim a oportunidade de ganhar dinheiro sem sair de casa e de forma honesta.

Porém, fazer renda com esse tipo de negócio também exige que o afiliado trabalhe com esforço e dedicação. Além disso, a própria empresa que oferece o programa de afiliados precisa construir um projeto bem estruturado para torná-lo viável.

Para alcançar esse objetivo, a empresa precisa contar com uma estrutura digital e uma plataforma apropriada para atender os afiliados. Através dessa plataforma, as pessoas cadastradas acessam um código rastreável exclusivo, utilizado na divulgação de produtos e serviços.

Assim, quando alguém conclui a compra usando esse código, a empresa é notificada e calcula a comissão do afiliado.

Qual será o futuro dos programas de afiliados?

Para entender qual o futuro do marketing de afiliados, precisamos voltar alguns passos e lembrar como os últimos dois anos impulsionaram essa estratégia de negócio. Para isso, vale a pena conferir o relatório publicado pela IAB Affiliates & Partnerships Group.

De acordo com esse estudo, quase 56% dos anunciantes e agências que trabalham com marketing de afiliados admitiram que aumentaram sua receita desde o início da pandemia de Covid-19.

Porém, esse resultado não está relacionado apenas à necessidade de distanciamento social e o aumento da procura por produtos e serviços na internet. Afinal, a instabilidade econômica que marcou o período de alta da COVID-19 também teve grande influência nessa equação.

Ao mesmo tempo em que as empresas investiram na construção e divulgação de seus próprios programas, o número de pessoas cadastradas como afiliadas também aumentou.

Atraídos pela flexibilidade, segurança e resultados desse modelo de trabalho digital, muita gente resolveu apostar nos benefícios do programa de afiliados para criar uma renda extra ou construir um negócio do zero.

Por que fazer parte de um programa de afiliados?

Considerando que os problemas econômicos ainda devem desafiar o Brasil e o mundo nos próximos anos, especialistas apostam que o número de pessoas e empresas interessadas nesse mercado deve crescer.

Outro fator que deve influenciar na consolidação e na expansão do marketing de influência é a própria mudança de comportamento dos consumidores. A pandemia acelerou a transformação digital, responsável por trazer muitas pessoas para o mundo online.

Assim, além de consumir muito conteúdo digital, elas também aprenderam a comprar pela internet, alimentando o ciclo dos programas de afiliados.

Por fim, o fato das pessoas estarem cada vez mais interessadas em trabalhos flexíveis, que permitem a adoção do regime home office e a autonomia nas decisões, também aponta para o crescimento do setor.

Diante de tudo isso, empresas e profissionais que não investirem em programas de afiliados correm o risco de perder receita e desperdiçar a oportunidade de ganhar mais dinheiro nos próximos anos.

Source link

Amazon Coaching Grátis

Venda 25K Dólares com apenas um Produto no Amazon.

Artigos Relacionados

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

6 + dezoito =

- Ana Pereira -spot_img

Últimos Artigos