Desenvolvimento de startup: como fazer?

Atualmente falar sobre startup é necessário, pois esse modelo de negócio vem cada vez mais ganhando espaço no mercado. É possível observar esse sucesso através dos altos investimentos que esse modelo de negócio consegue obter. 

E todo esse destaque, obviamente, tem uma justificativa por trás. Pois, se tratam de empresas que surgem com novos procedimentos, considerados inovadores para os profissionais da área, seja para atuar na produção artesanal de macarrão ou outros meios.

Esse domínio está conectado diretamente com as propostas inovadoras, o espírito jovem presente no ambiente de trabalho, e além disso, todos os processos operacionais adequados com as alterações da era digital. 

Basicamente, qualquer pessoa pode tentar criar uma startup, desde que tenha, ao menos, os requisitos básicos. 

Isso significa que, se você deseja criar uma startup de uma empresa de cameras de segurança SP, saiba que é possível, basta criá-la seguindo o modelo do negócio, e ter os recursos disponíveis que são exigidos dentro dessa área. 

Aos que desejam investir nesse modelo, tenha em mente que uma startup é bem diferente de uma pequena empresa recém-aberta, e muito disso está relacionado à expectativa que elas geram. 

A fim de entender melhor sobre esse tema, vamos compreender o que de fato é uma startup. Confira:

pexels canva studio 3277808

O que é uma startup?

Resumidamente, startups são empresas iniciantes, que possuem uma abordagem jovem e adaptada para os processos digitais. 

Apesar de serem empresas pequenas, ao mesmo tempo, elas se mostram grandes, pelo simples fato de apresentar várias propostas inovadoras, seja de serviços ou produtos. 

Essas inovações podem acontecer em qualquer segmento, ou seja, uma empresa que trabalha com fornecedores peças de informatica, pode adotar novos processos operacionais que podem refletir diretamente na satisfação positiva do cliente. 

Uma das dúvidas que costumam aparecer bastante sobre as startups, é sobre o sucesso que elas fazem. 

Poucas pessoas conseguem entender como elas se destacam tanto, mesmo sendo muito novas dentro do mercado. Obviamente, tem uma explicação por trás para que esse modelo de negócio seja tão promissor. 

A proposta das startups é criar um impacto no público por meio de algo novo, e com grandes possibilidades de desenvolvimento. Ou seja, uma ideia inovadora, seja dentro de um programa de controle médico de saúde ocupacional ou uma nova rede social. 

Trata-se de ideias que possuem grandes chances de darem certo, e quando conseguem dar certo, conseguem ter praticamente todos os recursos necessários para serem líderes do segmento. 

Se destacando logo no início, portanto, automaticamente chama a atenção dos investidores, o que é fundamental quando o assunto é startups. 

Ter um aporte financeiro quando você deseja abrir uma startup, seja ela de consultoria ambiental licenciamento ou de outro ramo, pode fazer toda a diferença para o desenvolvimento da empresa. 

Muitos empreendedores iniciam seus negócios em busca de investidores para as suas ideias. Essa prática, inclusive, é muito comum dentro das startups. Contudo, esse apoio financeiro só acontece quando a startup consegue desenvolver uma ideia realmente promissora. 

Em outras palavras, a ideia deve ser disruptiva e inovadora no mercado, e além disso, precisa ter boas chances de dar certo, isso significa que o empreendedor que deseja abrir uma startup de consultoria técnica ambiental precisa, antes de tudo, ter ideias promissoras. 

Aspectos como esses, é o que conseguem chamar a atenção dos investidores que estão abertos para novas propostas. Outra dúvida que costuma surgir quando o tema é sobre startup, é se a empresa levará a classificação de “startup” para sempre. 

Na verdade, esse rótulo só é dado para empresas recém-fundadas, e que ainda terão suas atividades testadas no mercado. Inicialmente, pode surgir uma empresa de serralheria, mas se estiver dentro dos padrões do modelo, será classificado como startup. 

Quando uma startup consegue, finalmente, ter sucesso dentro do segmento, naturalmente ela deixa de ser classificada com esse termo. 

pexels dani hart 3719037

Quais as características de uma startup?

Para que você possa entender o que é uma startup, é necessário se atentar às características que essas empresas possuem. Ao compreender essas características, torna-se mais fácil a visualização do modelo de negócio no qual estamos falando. 

Escalável

A primeira característica que podemos citar, é que as startups são escaláveis. Isso significa que esse modelo de negócio possui grandes possibilidades de crescimento, fazendo isso sem consequência em suas operações. 

Esse cenário promissor está conectado diretamente com as operações que são feitas digitalmente. Dessa forma, seus serviços e produtos podem ser entregues por um número cada vez maior de clientes, de modo que não precise de mais investimentos ou esforços. 

Repetível

Essa característica, por sua vez, significa que o mesmo produto pode ser oferecido em larga escala, sem nenhum tipo de limitação, o que é essencial para uma empresa de soldagem para garantir que os seus resultados permaneçam positivos. 

Para que isso aconteça, é necessário que aquilo que a empresa ofereça, seja pouco flexível ou customizável. A proposta por trás dessa estratégia, é alcançar mais clientes. Portanto, adaptações iriam atrapalhar essas metas. 

Inovadora

No início deste artigo, é possível observar que a inovação é uma das principais características de uma startup. Empresas com esse modelo tendem a trazer serviços necessários, mas que nunca foram pensados antes. 

O mesmo acontece com os produtos, que servem como soluções certeiras para as diferentes demandas da sociedade. Uma empresa que deseja começar com uma startup, deve, primeiramente, ter a inovação como a principal característica. 

Incerta

Devido ao fato de trazer coisas diferentes para o mercado, essas empresas também não têm um direcionamento bem definido, no que diz respeito ao sucesso. 

Por mais que as ideias sejam sólidas, e com grandes chances de fazer sucesso no mercado, não há como ter precedentes que possam ajudar a ter uma perspectiva mais clara sobre o futuro. 

Disruptiva

As startups também são conhecidas por quebrar padrões em relação a outras empresas que atuam dentro de um mesmo segmento. Essas quebras podem acontecer de diversas formas, as principais são:

  • No preço praticado;
  • Atendimento;
  • Maneiras de abordagem;
  • Forma como o serviço é prestado. 

Ou seja, uma das propostas por trás de uma startup, é fugir do que o mercado costuma oferecer Dessa forma, a empresa consegue ganhar mais destaque e ter a competitividade necessária. 

Digital

Outra grande característica de empresas que seguem esse modelo de negócio, é a familiaridade com os recursos digitais. Na grande maioria das vezes, as startups atuam pela web, dispensando pontos físicos e a necessidade de realizar atendimentos presenciais. 

pexels startup stock photos 7366

Como criar uma startup?

Assim como foi dito no início deste artigo, basicamente, uma startup pode ser criada por qualquer pessoa, desde que os principais passos sejam seguidos.  Trata-se de um processo necessário, que percorre desde a ideia, até a busca por investimentos. 

A seguir, conheça quais são esses passos:

Tenha uma ideia inovadora

Caso você tenha uma ideia realmente inovadora, podemos dizer que esse é o momento certo para começar a criação de uma startup. 

Elas giram em torno de serviços e produtos. Se você é uma pessoa que costuma pensar sobre produtos que podem dar certo, pode ser uma ótima opção para você. 

Comece com as fases de teste

Toda startup precisa começar através de um protótipo, onde a principal proposta será testada com o público-alvo, mas em uma amostragem reduzida. 

Essa versão básica é necessária para você observar os resultados que ela obterá, sem esquecer, obviamente, a reação do público. 

Estude a possibilidade de seguir em frente

Quando você conseguir fazer a fase de testes, terá em mãos, as respostas que buscava em relação à viabilidade da sua ideia. Caso ela tenha feito sentido, e conseguido um bom desempenho no momento inicial, essa pode ser a sua deixa para seguir em frente. 

Esses testes também irão servir como uma forma de você adaptar o seu produto, de modo que ele finalmente consiga chegar na sua fase final, garantindo mais avaliações positivas do público. 

Procure por parceiros

Qualquer processo que iniciamos sozinho, tende a ser bastante difícil. Empresas precisam de diferentes competências para serem tocadas. Ou seja, é quase certo que você irá precisar da ajuda de um parceiro, em outras palavras, um futuro sócio. 

Pode parecer meio óbvio, mas você precisa buscar por pessoas que sejam confiáveis, e que tenham capacidades complementares à sua. Ter essas características dentro da empresa, torna todo o processo operacional mais eficiente. 

Capte investimentos

Sem investimentos, podemos dizer que dificilmente a ideia irá sair do papel. Na hora de apresentar a sua ideia, procure fazer isso de maneira sólida, e mantenha-se atento às oportunidades que podem aparecer no caminho. 

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Amazon Coaching Grátis

Venda 25K Dólares com apenas um Produto no Amazon.

Artigos Relacionados

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

dez − sete =

- Ana Pereira -spot_img

Últimos Artigos