Como começar um negócio Lucrativo sem sair de casa?

Tá pensando em abrir um negócio rentável sem sair de casa, mas não sabe por onde começar? No post de hoje iremos esclarecer todas as suas dúvidas, com informações importantes e dicas que te ajudarão nesse processo.

Não há dúvidas que abrir um negócio rentável sem sair de casa vem sendo uma das opções mais procuradas e atrativas para muitos trabalhadores, seja pela flexibilidade do horário ou pela oportunidade de ganhar mais sendo o seu próprio chefe.

Hoje em dia, há várias opções para começar um negócio rentável sem sair de casa e o melhor, sem gastar muito. O primeiro passo a ser considerado por quem pensa em abrir seu próprio negócio, é avaliar suas habilidades e experiências.

No entanto, quem não possui nenhuma experiência e mesmo  assim deseja abrir seu próprio negócio rentável sem sair de casa, pode ainda recorrer a vendas de produtos de variadas marcas. Como perfumes, materiais de limpeza, entre outros.

Além das oportunidades oferecidas pela internet de trabalhar com a venda de cursos online ou de freelancer para algumas empresas.

Mercado digital vs mercado físico – Quais as principais diferenças?

Atendimento ao cliente:

Uma das primeiras diferenças entre os mercados é o atendimento ao cliente. Você precisa saber que tanto no digital quanto no financeiro, a empresa precisa oferecer um bom atendimento ao cliente.

Mas a vantagem do mercado digital é que a necessidade de atendimento é bem menor do que no mercado físico.

Localização:

Outro item importante é a preocupação com a localização para as lojas físicas. As lojas físicas precisam ter a melhor localização possível para ter sucesso, ao contrário da loja virtual, que não precisa se preocupar em ter uma localização. Já que a Internet costuma deixar todos em igualdade.

Alcance:

Mais um item de bastante importância é o alcance das lojas. Não dá pra negar que o alcance de uma loja virtual é indiscutivelmente maior do que o de uma loja física.

Porque, enquanto a loja virtual pode ser acessada por todo o país, a loja física fica presa apenas a clientes de uma mesma cidade.

Acesso aos produtos:

A facilidade de achar os produtos desejados deve ser um ponto principal tanto no mercado físico quanto no mercado virtual.

No mercado virtual, o acesso a esses produtos tendem a ser mais fáceis do que no mercado físico. Mas, os dois modelos precisam investir em dar maior acesso e boa experiência aos clientes.

Por que trabalhar em um negócio rentável sem sair de casa?

Além das inúmeras outras vantagens oferecidas, como a segurança e o conforto da sua casa, você ainda pode ser seu próprio chefe e ainda tem a chance de ganhar mais do que você ganharia trabalhando em outras empresas.

O negócio rentável sem sair de casa ainda proporciona a oportunidade de oferecer uma fonte de renda no momento exato do procurado.

Pessoas que perderam o emprego inesperadamente ou tiveram o salário reduzido, ganham a oportunidade de ter uma renda extra que pode suprir as necessidades deixadas por essas perdas inesperadas.

Quais as principais vantagens de começar um negócio rentável sem sair de casa?

Os benefícios de começar um negócio rentável sem sair de casa são diversos, mas muita gente ainda tem medo de investir no home office. Sendo assim, é preciso que você conheça todas as vantagens que este modelo pode te garantir.

De modo objetivo, confira agora quais as principais vantagens de começar um negócio sem sair de casa:

1 – Liberdade financeira:

Trabalhar em seu próprio negócio rentável sem sair de casa te garante a oportunidade de possuir maior liberdade financeira.

Trabalhando em casa você terá mais tempo e conseguirá fazer o seu próprio horário de trabalho. Ou seja, você poderá escolher se quer trabalhar mais ou menos.

Com o poder de flexibilizar o seu horário e assim conseguir trabalhar mais horas, você conseguirá ter uma liberdade financeira mais consistente, já que você vai conseguir ganhar mais e ainda poderá ter maior tempo de lazer.

E, conseguir organizar melhor suas finanças, te proporciona a flexibilidade de viver do que jeito que você quiser e deseja.

2. Autonomia:

A conquista da autonomia e da liberdade são duas das vantagens que mais impulsionam os trabalhadores a procurarem investir em um negócio rentável sem sair de casa.

Mas, é necessário lembrar que essa liberdade tem que ser exercida de maneira coerente e que para trabalhar em casa também é exigido muita determinação e responsabilidade.

A autonomia garantida sendo autônomo ou freelancer é uma das formas mais procuradas de todos os que possuem um negócio rentável em casa. Os trabalhadores autônomos recebem por projetos, algumas vezes remunerados muito bem.

No entanto, é preciso lembrar que os freelancer não possuem renda certa, pois depende muito do total de horas trabalhadas e dos projetos feitos. Mas, se engana quem acha que não é possível ter autonomia e estabilidade trabalhando dessa maneira.

3. Investimento menor:

Outro item de grande importância de atuar em um negócio rentável sem sair de casa é a possibilidade de alcançar uma boa renda investindo um capital bem menor.

Trabalhando de casa, não é preciso que você arque com custos extras, como é muito comum nas franquias físicas de lojas.

Não é preciso gastar com aluguel, contas de luz e água, além de não ser preciso contratar funcionários ou investir em estoques muito grandes. Por isso, as taxas de franquias também costumam ser bem menores do que em formatos habituais.

Sendo assim, ao investir um capital menor, o tempo de retorno do investimento feito será bem mais rápido. É possível ter um prazo de retorno em até 6 meses.

4. Redução de custos em produção:

Um benefício de ter o seu próprio negócio rentável sem sair de casa é que você não precisa ter muitos gastos em relação à produção. Pequenos negócios costumam vender apenas pequenas quantidades de cada coisa, na maioria das vezes.

Nos dias de hoje, a vida útil de muitos produtos é muito curta. O que faz com que a habitualidade de investir em estoques muito grandiosos, esteja ultrapassada. Porque os produtos têm maior facilidade de ficarem ruins.

Por isso, você precisa evitar com que seu estoque fique parado. Comprar menos quantidades de produtos é o ideal. Com essa opção, você ainda conseguirá ter uma grande redução de custos na produção.

É preciso sempre estar renovando o seu estoque e com isso renovar a diversidade de produtos de seu negócio, não o deixando na mesmice de sempre.

5. Possibilidade de maior alcance:

É inegável que o alcance de lojas virtuais são muito maiores que as lojas físicas. Porque, enquanto, as lojas virtuais têm acesso de pessoas de todo o país, as lojas físicas ficam presas apenas a clientela de uma mesma cidade ou bairro.

Isso faz com que, atualmente, a procura pelas lojas virtuais sejam muito maiores do que as lojas físicas. Ou seja, os lucros do mercado digital aumentam muito mais do que o mercado físico.E isso aumenta a migração de vários trabalhadores para o modelo do próprio negócio rentável em casa.

6. Capacitação de cliente ou venda – 24 horas por dia:

A capacidade e a flexibilidade de você poder fazer seu próprio horário de trabalho te dão oportunidade de estar em contato com as vendas e os clientes quase que 24 horas por dia.

Fazendo com que você consiga atender toda a demanda de seus clientes, conseguindo tirar várias dúvidas e fazer vendas diariamente.

7. Acompanhamento de métricas::

As métricas são informações quantitativas que mostram o desempenho de uma estratégia ou ação desenvolvida por uma empresa. Administrar e acompanhar quais serão as métricas usadas é extremamente importante.

A grande vantagem de ter seu próprio negócio rentável sem sair de casa é você ter a oportunidade de você mesmo acompanhar as métricas de sua empresa, conseguindo ver seu desempenho e resultados.

8. Personalização de público alvo:

Basicamente, você precisa fazer a definição do seu público alvo para que a sua empresa cresça. Com o seu próprio negócio rentável, sem sair de casa, você pode escolher qual público você deseja alcançar, tendo a oportunidade de definir você mesmo quais projetos de marketings vão ser usados na sua empresa.

Se você não consegue personalizar e conhecer o seu público, o desenvolvimento de produtos e aperfeiçoamento de serviços vão ser quase impossíveis.

É necessário que você veja a definição e personalização do público alvo da sua empresa como fator primordial, pois são eles que vão te garantir o sucesso e o desenvolvimento do seu negócio.

9. Campanhas segmentadas:

O uso de campanhas segmentadas, quando são usadas métricas, dados e ferramentas permitem que sua empresa atinja um público alvo específico e relevante. As segmentações ajudarão a definir o conteúdo das peças e os canais em que a campanha será veiculada.

Além da capacidade das campanhas segmentadas a ajudarem as suas conversões, otimizando os projetos de marketing.

10. Várias redes de divulgação:

O mercado virtual tem o benefício de fazer o uso de vários canais de divulgação, em especial a internet. A capacidade da internet possuir várias redes de divulgação é uma das maiores vantagens do home office.

A presença ativa nas redes sociais garante a seu negócio reforçar sua marca e garantir sua presença em um mercado cada vez mais competitivo. O uso da internet melhora o posicionamento do seu negócio e atrai tráfego para o seu site.

11. Maior potencial de humanização de marca:

O benefício de você ter todo o acesso a seu próprio negócio sem sair de casa te dá a oportunidade de humanizar completamente a sua marca. A humanização das marcas dão mais satisfação e felicidade ao cliente, fazendo com que ele seja sempre um cliente ativo.

O contato, seja direto ou virtual, com os compradores é o grande diferencial das empresas nos dias de hoje. Faz com que o seu atendimento seja mais humano e garante segurança ao cliente.

Passo a Passo para começar um negócio rentável sem sair de casa:

A princípio, diferente do que muitos podem pensar, mesmo com todas as turbulências, existe espaço no mercado para novas empresas, basta saber onde procurar.

Por isso, há uma série de ideias lucrativas que se encaixam entre as ideias para empreender. No entanto, começar um negócio rentável sem sair de casa, não é nada fácil, tem muitos riscos e exige estudo e pesquisa para tirar o sonho de empreendedor do papel.

Nesse texto você verá os 05 passos para começar um negócio rentável sem sair de casa. Faça destas etapas para o empreendimento, o primeiro passo para uma jornada de sucesso.

Ficou interessado? Continue a leitura!

1 – Defina qual o seu nicho de mercado

Definir qual nicho de mercado a sua empresa se encaixa é o início para se ter um negócio rentável sem sair de casa. Vamos ver um exemplo para ilustrar melhor o conceito.

Imagine que tenha uma loja especializada em doces feitos com chocolate.

Há pessoas que apreciam essa iguaria e estão dispostas a pagar um preço maior pelo produto. Isso pode ser considerado nicho de mercado.

Também tem pessoas que trabalham com eventos e querem adquirir o seu produto para oferecer nas festas organizadas. Esse é mais um nicho que podemos identificar

Então podemos definir nicho como um segmento no qual atende as necessidades de um determinado público.

No tópico abaixo, veja o que é necessário para definir o nicho de mercado, para ter um negócio rentável sem sair de casa.

  • Ser especialista e referência com a sua marca;
  • Estabeleça estratégias mais assertivas;
  • Faça pesquisas em sua área de atuação para observar o comportamento de seus clientes.
  • Analisar os seus concorrentes;
  • Fidelizar os seus clientes;
  • Fazer boas parcerias.

Agora que você já sabe qual nicho de mercado, o seu produto ou serviço deve estar de acordo com a proposta da sua empresa. Veja abaixo o segundo passo para começar o seu negócio rentável sem sair de casa.

2 – Defina o seu produto ou serviço.

Pode ser definido em tudo que a empresa oferece aos clientes como forma, design, embalagem, qualidade, garantia, assistência técnica, serviços, etc.

No entanto, Kotler define produto ou serviço como: “algo que pode ser oferecido a um mercado para apreciação, aquisição, uso ou consumo e para satisfazer um desejo ou uma necessidade”.

Mas como é o processo de definição de um produto? Algumas perguntas devem ser respondidas como:

  • Quais os desejos e necessidades dos meus clientes?
  • Qual a função ou o que esse produto ou serviço traz de novo que chame atenção do público?
  • Como é o processo de produção do produto? Qual o ciclo de vida do produto?
  • Qual o diferencial do produto ou serviço?

3 – Veja para onde você irá levar o seu negócio rentável sem sair de casa:

Ter uma empresa virtual vem conquistando muitos empreendedores, pois além de ter uma economia quanto ao custo com espaço físico, é possível atingir um maior número de clientes e ter um negócio rentável sem sair de casa. Mas como posso montar a minha empresa?

No texto abaixo, confira os tipos de redes sociais e sites disponíveis e suas vantagens, para você montar o seu negócio rentável sem sair de casa, de forma virtual.

1 – Blog:

É uma ferramenta complementar, criada com o objetivo de cultivar um público-alvo a longo prazo.

Além disso, pode ser definido com um site de conteúdo, focado em um assunto específico, com atualizações feitas com regularidades.

Tendem a ter um tom mais pessoal, com postagens mais ricas e completas, o que facilita a conexão com o cliente. Também são considerados mídia orgânica pois permitem que sejam buscados com mais facilidade pelo Google.

Mas como posso criar um blog de sucesso para o meu negócio rentável sem sair de casa? Veja abaixo o que você pode aplicar para ter um blog com maior visibilidade pelos seus clientes:

Como criar um blog de sucesso?
  • Seja criativo;
  • Aprenda técnicas de SEO;
  • Use seu blog para captar leads (pessoas interessadas no seu conteúdo);
  • Interaja como o público;
  • Faça publicações constantes;
  • Faça parcerias.

E não se esqueça de acompanhar os resultados. Há algumas informações que deve ser observada para avaliar o desenvolvimento do blog do seu negócio rentável  sem sair de casa:

  • Tráfego (número de sessões ou de visitantes);
  • Páginas de destino (como o público chegou ao seu blog?);
  • Tempo médio (tempo em que o seu público permanece no blog);
  • Bounce Rate (taxa de rejeição, porcentagem de pessoas que saem de uma página sem terem clicado em nada por ali).

2 – E-commerce:

E-commerce ou comércio eletrônico onde ocorrem vendas não presencial. O atendimento e as vendas podem ser realizados de um aparelho eletrônico.

Com o avanço das tecnologias, cada vez mais as empresas vêm buscando meios de expandir suas vendas. O e-commerce funciona como um catálogo dos produtos que podem ser vendidos, pagos e entregues na casa do cliente. No tópico abaixo veja as vantagens de se ter uma loja virtual:

Comodidade: O cliente pode realizar uma compra sem a necessidade de ir a uma loja física.

Avaliação do cliente: A venda online proporciona que os clientes compartilhem suas experiências com outras pessoas, sejam elas positivas ou negativas.

Funcionamento em tempo Integral: O cliente pode acessar o seu negócio rentável sem sair de casa e realizar uma compra a qualquer hora.

Diversidade de produtos: Com a venda online é possível comparar cores, tamanho, funções, com muito mais agilidade na compra.

Várias opções de pagamento: O cliente pode optar por pagamento por boleto bancário, cartões de crédito e débito, paypal entre outros.

Mas antes de você montar uma loja virtual:

  • Defina o público alvo;
  • Os produtos a serem comercializados;
  • Selecione fornecedores que tenham agilidade na entrega;
  • Defina os meios de pagamentos e entrega dos produtos ao cliente;
  • Não se esqueça de ter um site organizado, que o cliente consiga em poucas páginas finalizar a compra.

3 – Instagram

Com mais de 1 bilhão de usuários, o Instagram é uma das redes sociais mais utilizadas para divulgar uma marca e engajar-se com os clientes.

Além disso, oferece uma série de ferramentas para análise de crescimento e participação do público, além da criação de anúncios na plataforma, disponível para quem tem um negócio rentável sem sair de casa.

Para deixar o seu perfil mais profissional:

  • Identifique-se na descrição, em poucas palavras, qual a missão da sua empresa e os benefícios que o cliente terá ao fazer negócio com você.
  • Crie Hashtags da sua empresa com a finalidade de categorizar os seus produtos ou serviços, pois permite verificar a interação com os clientes.
  • Tenha qualidade no material de publicação
  • Não publique apenas imagens dos seus produtos. Alterne com imagens dos bastidores e entrevistas com os funcionários.
  • Interaja com os clientes e os incentive a participar.
  • Analise seus resultados de marketing no Instagram

Confira abaixo as ferramentas do Instagram para negócios que permitem a análise dos resultados:

  • Alcance das publicações
  • Quais publicações foram mais populares
  • Quais dias e horários seus seguidores são mais ativos
  • Entre outras funções.
  • Também é possível promover suas fotos e vídeos e criar anúncios para alcançar pessoas além das que já te seguem.

4 – Tik Tok

O Tik Tok é um dos aplicativos mais baixados nos últimos tempos, no primeiro trimestre de 2020 já havia ultrapassado a marca de 2 bilhões de download. Pode ser utilizado para o seu negócio rentável sem sair de casa.

Com esse número tão expressivo, tem chamado a atenção sobre o potencial dessa ferramenta para empresas.  No entanto, por ser novidade, muitos profissionais ainda não sabem como inserir essa rede social na estratégia de marketing da empresa.

Mas afinal, como uma empresa pode aproveitar esse aplicativo como divulgador da sua marca?

  • Tenha um perfil que mostra  os bastidores da empresa
  • Faça Hashtag Challenges: Sua marca pode propor um desafio envolvendo o serviço ou produto da sua empresa.
  • Promova novos aprendizados para o público.
  • Faça desafios criativos com os seus produtos.
  • Faça parcerias com influenciadores já consolidados na rede social.

5 – Facebook

O Facebook é uma das redes sociais mais usadas pelas empresas. E também, disponibiliza diversas ferramentas que geram engajamento.

Veja abaixo algumas dicas para divulgar o seu negócio rentável sem sair de casa:

  • Crie uma Fan Page da sua empresa no Facebook.
  • Divulgue os meios de comunicação da sua empresa. Você pode disponibilizar um botão de “Saiba Mais” ou “Fale conosco” para facilitar o contato com a sua empresa.
  • Tenha conteúdos de qualidade.
  • Crie eventos no Facebook para o seu negócio. Se tiver uma chamada atrativa, há muitas chances de maior visibilidade.
  • Faça anúncios pagos, além de garantir maior visibilidade, interação e engajamento para o seu negócio rentável sem sair de casa.

6 – Associação à grandes marcas

Também conhecido como co-brading. Associar-se a outras marcas têm como principais objetivos:

  • Reduzir os custos de marketing;
  • Transferência de forças, status, a imagem e a aprovação de uma marca para outra;
  • Entrada em novos mercados;
  • Criação de mais valor para o cliente.

Vamos dar um exemplo para ficar melhor ilustrado: Se uma empresa de tênis esportivos patrocinar um campeonato de corrida, ela está associando a sua marca ao projeto.

Por isso, é essencial escolher a empresa que irá se associar, quanto a sua   reputação, princípios e valores, a exemplo do caso da empresa de tênis, como os clientes avaliam essa empresa? Quantos tênis são vendidos? Qual a qualidade da matéria prima? Como é a comunicação da empresa com os clientes?

7 – Sites de vendas

Hoje os sites de vendas, ou marketplace são um dos modelos de negócio mais rentáveis do mercado.

Nos últimos anos, grandes varejistas aderiram a este modelo e ampliaram seu faturamento como: Amazon, shopee, Mercado Livre, Americanas e Magazine Luiza, são alguns dos exemplos de empresas.

Diferente de uma loja virtual, que é apenas um vendedor ou uma empresa que oferece seus produtos ou serviços. O Site de vendas é uma plataforma com vários vendedores, com um shopping virtual.

E quais as vantagens de se aderir a um site de vendas (Marketplace)?

  • Maior visibilidade: Geralmente são plataformas com um grande número de visitante, e logo o seu espaço pode ser visitado por um número menor, sem necessidade de fazer grandes divulgações
  • Aumento das vendas: Em consequência de uma grande visibilidade, as vendas também aumentam.

Mas não é somente produtos físicos que podem ser oferecidos, veja abaixo alguns tipos de sites de venda e seus exemplos:

  • O uber também é considerado um marketplace, porém de serviços, que conecta os passageiros aos motoristas.
  • Um outro tipo de marketplace é o de Aluguel. A Airbnb permite o aluguel de espaços ou objetos, muito utilizado por viajantes que estão em busca de economia.
  • O superprof é um marketplace de agendamento, que trabalha com o nicho de professores particulares e pessoas que buscam esse tipo de serviço e querem agendar aulas.

Enfim, há inúmeros tipos de sites de vendas, basta escolher aquele que se enquadra com o produto ou serviço que você quer ofertar.

8 – Youtube

O youtube é o segundo mecanismo de busca mais utilizado do mundo, logo depois do Google. Devido a tamanha importância, vem chamando a atenção das empresas que buscam por resultados expressivos.

Além de atingir uma enorme quantidade de pessoas, o Youtube oferece a possibilidade de compartilhar seu conteúdo em outras redes sociais. O que amplia a audiência do conteúdo que a empresa divulga.

Mas antes de você montar o seu canal, veja se seu público está dentro do perfil que acessa o Youtube, para que a sua estratégia de marketing funcione.

Veja agora, os principais detalhes para abrir o seu negócio no Youtube:

  • Gerar conteúdo de qualidade, relevante e que agreguem valor a sua audiência.
  • Tenha um objetivo claro das suas postagens. Afinal o intuito é vender um produto ou serviço mesmo que seja de forma indireta.

Veja alguns exemplos: Se a sua empresa vende um produto, você pode fazer vídeo de pessoas demonstrando a funcionalidade e a qualidade do produto.

Se é um serviço, pode publicar vídeos de depoimentos de clientes que já utilizaram, pois dão mais credibilidade ao seu canal e à sua marca.

  • Seja constante nas publicações, a frequência é um fator essencial para manter um canal popular e aumentar a visibilidade.
  • Seja Criativo e diversifique os formatos de vídeos para atrair mais seguidores

4 – Calcule qual será o seu investimento inicial para o seu negócio rentável sem sair de casa

Antes de você abrir um negócio rentável sem sair de casa, precisa ter em mente as seguintes questões: Como ele pode ser calculado? Quais fatores devem ser levados em consideração? Como conseguir o investimento inicial?

O investimento inicial é o montante destinados a fazer a sua empresa s sair do papel e se manter durante um período

Nesse valor deve incluir gastos como: aquisição de instalações, ferramentas, contratação de funcionários, manutenção do estoque, despesas com fornecedores, marketing, contabilidade, contas de água, luz etc.

Mas como esse valor é calculado? O primeiro passo é elaborar um plano de negócios, com um levantamento completo das informações relevantes para o empreendedor.

Para o seu negócio rentável sem sair de casa, o investimento inicial é dividido em 3 partes:

Investimento fixo: Consiste em todos os bens materiais necessários para fazer a empresa começar a funciona

Investimento pré-operacional: São os serviços necessários para a empresa como: marketing, contabilidade, abertura de CNPJ, registro da marca, aquisição de softwares, treinamento de funcionários etc.

Capital de giro: Corresponde aos gastos mensais que serão realizados para manter o negócio funcionando. Compreende em despesas como: Salário dos funcionários

  • Aquisição de estoque
  • Aquisição de matéria-prima
  • Impostos
  • Contas de água, luz, internet, telefone

5 – Crie um planejamento estratégico para seu negócio rentável sem sair de casa

Agora que você já tem o nicho do mercado, o produto, o local onde será comercializado e o investimento inicial é hora de fazer um planejamento da sua empresa. Confira as principais etapas para  o seu negócio rentável sem sair de casa, cresça com o tempo:

  • Estude o seu público: Conheça quem será o seu cliente. O objetivo nesta etapa é saber o que será ofertado e para quem será ofertado, reduzindo a quantidade de erros cometidos por falta de planejamento.
  • Analise o mercado: Faça uma projeção da viabilidade do seu produto ou serviço
  • Observe os processos da sua empresa: É importante que haja um mapeamento dos processos e que cada funcionário saiba o que deve fazer. Evitando perda de tempo ou desperdício de matéria prima.
  • Tenha uma metodologia de planejamento: Aqui será estabelecido as metas da empresa e em quanto tempo elas tem que ser cumprida.
  • Utilize indicadores econômicos para avaliar os índices qualitativo e quantitativos do resultado da empresa.
  • Faça com que a equipe participe do planejamento estratégico.
  • Defina a missão, visão e valores da sua empresa.
  • Acompanhe os indicadores.
  • Dissemine o planejamento estratégico. É essencial que toda a sua equipe conheça a sua empresa, as metas e objetivos para que haja unanimidade.

 6. Busque entender mais sobre o mercado digital e sobre o seu modelo de negócio rentável sem sair de casa que você irá utilizar:

Para que o seu negócio tenha sucesso, é preciso que você busque entender todos os tópicos necessários sobre ele. No caso do seu negócio em casa, você necessita aprender mais sobre o mercado digital e todas as suas especificações, vantagens e claro, as desvantagens.

Muitos negócios iniciais tendem a dar errado, porque os empreendedores não buscam o conhecimento preciso e acabam optando por não fazer um plano de negócios. É essencial que você procure aprender como administrar a sua empresa e o seu mercado digital. Assim, evitando que você cometa erros desnecessários de análise e organização.

O plano de negócios é um item super importante para que você tenha controle de todo o seu negócio. O planejamento certo permite que você expanda sua empresa e te dê mais planejamento de ideias para o novo negócio. Além de identificar quais são os seus pontos mais fracos e os seus principais concorrentes.

  1. Faça cursos:

Outra maneira de aproveitar todas as oportunidades do mercado, é fazendo cursos que te ajudem a entender como ele funciona. Com o certificado do curso, além de você poder aprender mais sobre o seu próprio negócio, você também terá o diferencial de dar mais reconhecimento a sua empresa.

Isso porque, a realização de cursos na área do mercado digital te garante preparo para lidar com as demandas digitais, além de um perfil profissional mais completo para você e sua empresa. Expandindo a sua área de atuação e conhecimento.

Fora que, as habilidades aprendidas durante o curso te proporcionarão criatividade na criação de ideias que busquem a atração de cada vez mais clientes.

  1. Consultorias e materiais:

Invista em consultorias e materiais sobre o mercado digital. Com as consultorias, além de ter contato com consultores com vasta experiência no assunto, que já passaram por diversos erros e acertos no mundo do empreendedorismo, você ainda terá a oportunidade de participar de várias sessões de aulas com outros empreendedores.

Além das consultorias, é necessário que você invista em materiais com conteúdos relevantes sobre o mercado digital.

Escolher entre os e-books, guias técnicos e vídeos, serão as melhores opções para você. Dessa maneira, você ganhará ainda mais conhecimento sobre o assunto de forma prática e descomplicada.

  1. Parcerias com profissionais:

As parcerias feitas com profissionais são uma grande vantagem para as empresas. Os benefícios da parceria são mútuos, ou seja, os dois de beneficiam. As empresas têm todas as necessidades suprimidas e todos saem ganhando.

Elas são de grande importância, porque não é possível fazer tudo sozinho, ninguém tem domínio de vários assuntos diferentes. Claro que você pode tentar e preferir continuar sozinho, mas o desgaste certamente não valerá a pena. A função da parceria é preencher todos os pontos fracos da empresa.

É de grande benefício fazer parcerias com influencers, blogueiros, entre outros. As redes sociais são as principais influenciadoras do mundo nos dias de hoje. A quantidade massiva de pessoas sendo influenciadas por outras nas redes sociais gera uma grande notoriedade de alguns produtos e empresas.

De modo geral, as vantagens das parcerias são diversas, confira:

  • Otimiza processos;
  • Atinge novos clientes;
  • Aumentar o alcance;
  • Valoriza a marca.

7 – Crie uma projeção de crescimento

Para que um negócio rentável sem sair de casa cresça de maneiro uniforme e crescente, é preciso desenvolver uma projeção de crescimento empresarial. É um trabalho desafiador e exige muita dedicação.

No texto abaixo conheça as etapas para elaborar uma projeção de crescimento da sua empresa.

  • O que devo considerar ao fazer uma projeção? É fundamental considerar os cenários que possam vir a acontecer, e proteger o seu negócio de uma flutuação do mercado.
  • Faça um estudo de mercado:  É preciso conhecer os seus concorrentes para ter destaque no que você faz.
  • Defina metas: Avalie o ambiente econômico para defini-las. Como: Aumentar o número de clientes, lançamento de produtos, reduzir custos, etc.
  • Antecipe-se a possíveis crises: É recomendado ter uma receita moderada, que não leve à contração de dívidas desnecessárias.

A projeção de crescimento precisa fazer parte do planejamento e organização de qualquer empresa, em especial para os negócios digitais que são de pequeno porte que buscam uma consolidação no mercado em que atua.

8- Faça uma listagem de tudo que você precisa adquirir ou fazer para começar um negócio rentável sem sair de casa

Começar um negócio rentável sem sair de casa, requer um conjunto de habilidades, conhecimentos e muita criatividade. Confira, os sete passos para ter sucesso na abertura do seu empreendimento!

  1. Qual o tipo de negócio  rentável sem sair de casa você quer abrir?
  2.  Para te ajudar a amadurecer o seu negócio rentável sem sair de casa pergunte-se: Qual é o seu mercado? Quem é seu público-alvo? Por que as pessoas vão precisar do seu produto ou serviço? Que diferencial você pode oferecer para chamar a atenção diante da concorrência?
  3. Você tem perfil empreendedor? Para empreender no seu negócio rentável sem sair de casa, precisa conhecer o mercado e organizar um plano de negócio.
  4. Pesquise informações sobre o negócio que vai abrir, te dará mais consistência durante a criação da empresa.
  5. Organize as informações coletadas sobre o seu negócio e defina uma estratégia para se posicionar no mercado.
  6. Obtenha crédito. Para dar o pontapé no seu negócio rentável sem sair de casa, você precisará de um auxílio financeiro. Se você não tem dinheiro para começar, pode procurar por uma linha de crédito viável para você.
  7. Hora de tornar o seu negócio rentável sem sair de casa na realidade. Formalize o seu empreendimento.

9 – Faça comparações com outros mercados para assim, ver se realmente compensa trabalhar nesse segmento

Antes de começar um negócio rentável sem sair de casa, é fundamental fazer uma análise de seus concorrentes. Veja abaixo os benefícios em analisar os concorrentes:

  • Identificar novas oportunidades de negócio;
  • Descobrir outros tipos de setores não explorados;
  • Conhecer novas metodologias que permitam o alcance do seu público-alvo;
  • Entender a sua posição no mercado
  • Testar novas estratégias de marketing

Para você que está começando, é fundamental conhecer os seus concorrentes. É uma tarefa muito comum realizada dentro das empresas.

Esse estudo é uma atividade muito importante, pois é possível tornar o seu negócio inovador, competitivo e diferenciado para qualquer nicho de atuação.

Planejar é primordial para auxiliar qualquer negócio rentável sem sair de casa pelos caminhos mais favoráveis e vantajosos, como também a frequente avaliação do empreendimento.

10 – Veja se irá precisar de colaboradores para seu negócio rentável sem sair de casa

Investir nos colaboradores é o melhor caminho para o sucesso da sua empresa, pois uma equipe motivada e capacitada é fundamental para um negócio rentável sem sair de casa.

Mas como fazer com que os colaboradores estejam empenhados e engajados:

  • Estabeleça metas desafiadoras de desempenho e desenvolvimento.
  • Sempre dê feedback para reforçar os aspectos positivos.
  • Gerencie o desenvolvimento do colaborador.
  • Tenha uma liderança bem definida, com metas e objetivos delineados.
  • Avalie o trabalho do colaborador periodicamente.
  • Crie um ambiente de confiança e empoderamento, o colaborador tem que sentir que o seu trabalho é significativo.
  • Adote ações que garantam o bem-estar: ofereça benefícios como um horário comercial para que o colaborador possa se exercitar, proporcione confraternizações, e até mesmo bonificações.
  • Capacite os colaboradores da sua empresa, por isso elabore maneiras de seus colaboradores aprenderem mais sobre a sua empresa.

Afinal, colaboradores motivados trabalham melhor e estão dispostos a lutar pela empresa na qual estão inseridos.

11 – Monte sua equipe

Formar uma equipe é fundamental para o sucesso de uma empresa, no entanto, uma das maiores dúvidas dos gestores é: Como montar uma equipe com pessoas ideais para o seu negócio rentável sem sair de casa?

Veja como escolher os colaboradores para a sua equipe:

  • Organize as funções dentro do negócio, determine as funções essenciais que devem ser preenchidas
  • Escolha as pessoas que se alinhem com a sua empresa quanto aos seus princípios e valores;
  • Deixe claro os objetivos do seu negócio para a sua equipe. Crie metas e objetivos comuns para que seja mais fácil de transmitir para cada colaborador.
  • Promova o alinhamento dos colaboradores com a cultura do seu negócio rentável sem sair de casa. Muitas vezes o profissional é altamente capacitado, mas não se adapta a cultura do local.
  • Tenha em mente o seu fluxo de trabalho para montar uma equipe. Se você tem um negócio de vestuários femininos, quantas peças de roupa você costuma vender no dia a dia?

Esse é o ponto para saber a quantia ideal de profissionais são necessárias para conseguir um atendimento de qualidade para os seus clientes

Saber montar uma equipe é fundamental. Afinal, ter um time alinhado e bem preparado, o seu negócio  rentável sem sair de casa é capaz de atender a demanda dos clientes com qualidade.

12 – Converse com um especialista no mercado digital

Você quer ter um negócio digital de sucesso precisa consultar um especialista para te ajudar a seguir na direção certa. Veja abaixo,  quais os tipos de assistência que um especialista no mercado digital pode te ajudar:

  • Elaboração de uma estratégia de crescimento, para um negócio rentável sem sair de casa;
  • Pode te ajudar como consultor e fornecer dicas valiosas sobre marketing digital para aplicar no seu negócio e potencializar os resultados e a conversão dos resultados obtidos;
  • Difunde ideias inovadores e inspira o empreendedorismo;
  • Colabora na otimização de sites e na geração de tráfegos para a sua loja virtual.

Você tem que avaliar qual é o momento do seu negócio rentável sem sair de casa e o orçamento disponível.

13 – Comece a executar o seu trabalho

Agora que você já tem um planejamento estratégico da sua empresa, sabe como engajar a sua loja virtual. Está na hora de botar a mão na massa e começar a tirar os planos do papel. Para isso, veja no tópico abaixo um checklist para começar a executar o seu trabalho:

  • Organize o seu local de trabalho;
  • Formalize a abertura do negócio;
  • Projete o investimento inicial;
  • Conheça os tipos de financiamento para o seu negócio;
  • Comece a montar o seu negócio virtual. Qual o local que irá montar o seu espaço: uma plataforma? Rede social?
  • Contrate um contador que será responsável pelas suas finanças;
  • Se você oferta um produto, defina os seus fornecedores;
  • Mantenha anotado os seus gastos e faça gestão financeira no dia a dia;
  • Você irá precisar de colaboradores? Agora é o momento de começar a escolher os seus funcionários e montar uma equipe;
  • Terceirize serviços não essenciais;
  • Aprenda a calcular o Custo de mercadorias vendidas (CMV);
  • Para evitar perdas, faça o giro de estoque.

Abrir o seu próprio negócio rentável sem sair de casa, tem vantagens como: Conquistar a sua independência, poder ter horários de trabalhos mais flexibilizados, ampliar a visão do mundo, aprender com frequência e ainda ganhar dinheiro.

Por isso, aja com sabedoria e se prepare muito antes de optar por essa jornada de empreendedorismo.

14 – Trabalhe na divulgação do seu negócio :

Você pode ter o melhor serviço ou produto da cidade, e até mesmo do Estado, mas se o seu negócio não tem visibilidade de nada adianta. Mais quais as vantagens de se ter uma divulgação na sua empresa:

  • Maior público. Quanto maior a sua audiência, maior a chance de se obter melhores resultados.
  • Mais visibilidade. Quando sua marca é anunciada com frequência, mais vezes os público se lembrará de você, mesmo que não precisem naquele momento, quando houver necessidade saberá a quem recorrer.
  • Produtos sempre visualizados, o que induz a compra de forma não invasiva.
  • Confiança dos clientes.
  • Melhor segmentação, os seus produtos ou serviço chegarão para pessoas realmente interessadas.
  • Quanto mais você anunciar mais chances de obter leads, que garantem uma maior chance de vendas.

Agora que você já viu sobre os benefícios de uma divulgação, confira nos tópicos abaixo os tipos de divulgação que você pode aplicar para propagar a sua marca:

1 – Anúncio e campanhas:

Algumas redes sociais, como Instagram e Facebook, e sites como o google permitem que você crie anúncios e campanhas para aumentar o alcance da sua marca.

E ainda possuem ferramentas para analisar as métricas e comparar quanto ao retorno.

Sem a necessidade de grandes investimentos, é possível divulgar seus produtos e/ou serviços de forma totalmente segmentada, você paga pela quantidade de pessoas que pretende alcançar.

O anúncio no Google oferece a seguinte modalidade: Escolha as palavras-chaves relacionadas ao seu negócio e sempre que o usuário pesquisar por elas o seu site poderá aparecer no topo da página dependendo do valor investido.

2 – Redes sociais:

Ao criar o seu perfil comercial, você terá várias opções para compartilhar com quem te segue vários conteúdos do seu negócio e impulsionar post para alcançar mais pessoas.

Mas antes de montar o seu perfil tenha uma estratégia de marketing bem definida.

As redes sociais também permitem maior interação com os seus seguidores, desde que você mantenha uma constância nas postagens.

Mas não fique muito focado apenas em anunciar seu produto, faça posts do seu dia a dia e divulgue a sua marca de forma indireta.

Acelere o seu negócio rentável sem sair de casa e faça sua marca ser conhecida por um maior número de pessoas através de posts com fotos e vídeos dos seus produtos ou serviços.

3 – E-mail marketing:

Forma ágil, barata e eficiente de praticar o marketing direto.  Você pode enviar aquele E-mail promocional? Isso é E-mail Marketing

Além de rentável e econômico, uma das grandes vantagens é poder personalizar os e-mails e realizar envios em massa, utilizando ferramentas para criar campanhas exclusivas.

Você pode utilizá-lo para promover vendas, criar e manter relacionamento com cliente e garantir maior engajamento do seu negócio rentável sem sair de casa.

Mas antes de você realizar os disparos de e-mail marketing, você tem que ter as informações da sua base de cliente que já utiliza o seu produto ou serviço ou que estejam dispostos a conhecer a sua marca.

4 – Por boca a boca:

Também conhecido como marketing de referência, consiste na divulgação feita pelos seus clientes para outras pessoas.

É uma das melhores formas de divulgação que uma empresa pode ter, pois permite que as decisões de compras sejam tomadas rapidamente em relação ao novo produto ou marca.

Ela tem maior credibilidade em relação às outras pois a divulgação não é feita em troca de dinheiro ou benefício. Veja agora, as principais vantagens de se ter o marketing boca a boca:

  • Divulgação voluntária;
  • Direcionamento. O cliente que chega por indicação é um cliente que tem interesse pelo seu produto ou serviço;
  • Aumento das vendas;
  • Investimento quase zero.

15 – Faça um bom marketing

Independentemente do tamanho do seu negócio, ter um bom marketing, ajuda a valorizar a sua empresa.

Por isso, fazer um planejamento de marketing auxilia no aumento de vendas e evita gastos desnecessários.

É o planejamento que ajuda no entendimento do mercado atual, as necessidades e desejos do seu público-alvo, quais são os pontos fortes e fracos do produto e as oportunidades que estão pelo caminho.

Vamos listar quais são os possíveis caminhos para agregar em sua estratégia e planejamento correspondente.

  • Marketing de Conteúdo: é uma estratégia que tem como principal foco produzir conteúdo educativo, informativo, relevante e útil para o seu consumidor.
  • Mídia Paga: conversões e vendas produzidas através dos anúncios online.
  • Inbound Marketing (marketing de atração): prioriza o tráfego orgânico, e também utiliza as redes sociais e o e-mail  para atrair o cliente até a sua loja.
  • Social Media: todas estratégias e ações possíveis dentro das redes sociais.

Para se ter um bom marketing você precisa:

  • Analisar o ambiente de marketing;
  • Avalie os fatores externos e internos que podem influenciar ano seu negócio;
  • Entenda quem é o público alvo de sua empresa não é o consumidor;
  • Analise os seus concorrentes;
  • Defina suas estratégias e ações;
  • Estabeleça um cronograma de suas ações.

16 – Esteja constantemente acompanhando o rendimento da sua empresa

É uma tarefa muito importante para entender os pontos fortes e fracos do desempenho da sua empresa.  O desempenho da equipe também afeta diretamente no da empresa e por isso é necessário estar presente e acompanhar o fluxo da empresa.

Para avaliar este rendimento são utilizadas métricas através de ferramentas de gestão de desempenho do rendimento organizacional.

Confira abaixo as principais ferramentas de análise de desempenho:

  • ORK: é um modelo de gestão que analisa as metas para alcançar um objetivo.
  • KPI: é uma ferramenta organizacional que avalia o desempenho da empresa com o intuito de verificar os fatores que precisam ser melhorados.

17 – Tenha o seu negócio rodando no digital:

Ter um negócio rodando no digital é realmente a melhor estratégia de negócio? Continue a leitura e veja os principais benefícios de se empreender no digital.

Com o acesso a internet houve maior ampliação das possibilidades de atuação nesse ambiente, o negócio rentável sem sair de casa, surge como uma nova tendência.

O espaço virtual permite cada vez mais opções para que qualquer negócio possa ser executado.

Veja abaixo os principais aspectos vantajosos para empreender no mundo digital:

  • Menor Custo com maior lucro;
  • Negociações mais rápidas, simples e dinâmicas;
  • Atinja o maior número de clientes, além das paredes de uma loja física;
  • O número de usuários do mundo digital é alto, a chance de ter um maior público para a sua marca.

Para atrair esse público tenha sempre uma oferta matadora, determine o seu nicho de clientes, tenha um modelo de negócio bem definido, faça um bom marketing e faça a gestão do negócio.

Realmente vale a pena começar um negócio rentável sem sair de casa?

E então? Está pronto para ter um negócio rentável sem sair de casa? Para isso faça um planejamento do seu negócio e busque pela melhor opção de investimento do seu próprio negócio. E agora é só se aventurar e tirar os seus sonhos do papel.

Related Articles

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

- Advertisement -spot_img

Latest Articles