Como analisar uma empresa listada na bolsa de valores?

Neste conteúdo você vai saber sobre

Existem diversas formas de analisar uma empresa listada na bolsa de valores, a mais utilizada e mais famosa entre todas elas é a análise fundamentalista, que foi desenvolvida por Benjamin Graham e é utilizada por Warren Buffet e diversos outros investidores renomados da bolsa de valores.

Dessa forma, neste conteúdo, vamos focar em explicar como utilizar a análise fundamentalista para analisar uma empresa na bolsa de valores, para saber mais, leia até o final!

O que é a análise fundamentalista?

UMA análise fundamentalista é realizada através da análise financeira, econômica e do setor de atuação de uma determinada companhia para entender qual o valor dela e suas perspectivas futuras para, depois disso, compará-lo com o preço que a ação daquela empresa está sendo negociada na bolsa de valores e entender se ele está muito acima ou abaixo do valor estimado.

Quanto mais abaixo ele estiver do valor estimado, significa que a empresa está sendo negociada a um valor menor do que aquele determinado investidor estima que ela vale, dessa forma, teoricamente existe uma margem de segurança, que é a diferença entre o valor estimado pelo investidor (valor justo) e o valor que a empresa está sendo negociada.

Teoricamente, quanto maior a margem de segurança, melhor para o investidor, pois maior o potencial de valorização existente naquela determinada ação.

Redação Outro Dia Newso seu Site de Notícias com Dicas e informações do cotidiano na palma da sua mão. Portal completo e atualizado diariamente, acompanhe as nossas editorias.

Formas de realizar a análise fundamentalista

Existem diversas maneiras de se fazer a análise fundamentalista e, se dois investidores realizarem ela, utilizando a mesma forma, para uma mesma empresa, é provável que eles cheguem a um preço justo estimado diferente. Dessa forma, não existe uma fórmula ou receita de bolo para ela.

A análise horizontal é quando você realiza primeiro um estudo dos resultados da companhia nos últimos trimestres ou últimos anos para entender seus indicadores financeiros, sua estratégia, o cenário de competição e outros elementos que dizem respeito a companhia.

A outra forma de realizar essa análise é a análise vertical, onde o investidor passa a focar no balanço patrimonial da empresa e indicadores financeiros, principalmente lucro líquido e receita líquida. Teoricamente, quanto mais lucrativa a empresa, melhor, pois sobra mais caixa para ela investir em expansão, distribuir o lucro aos acionistas ou até mesmo preservar caixa para momentos de turbulência, como a pandemia da covid-19.

Principais indicadores para se analisar uma empresa na bolsa de valores

A avaliação de indicadores é um passo crucial para se fazer analisar uma empresa na bolsa de valores, os principais documentos financeiros para um investidor na análise fundamentalista são o balanço patrimonial, o demonstrativo de resultado do exercício e o demonstrativo do fluxo de caixa.

Estes 3 documentos conseguem passar a situação geral do resultado operacional e financeiro da empresa e através deles é possível averiguar uma série de indicadores relevantes. Vale ressaltar que para algumas empresas, a depender do seu setor de atuação, realizar a análise do EBTIDA é mais importante que o lucro líquido, o contrário também é válido.

Dessa forma, até mesmo antes de realizar a análise fundamentalista de uma empresa, é importante que você entenda como ela ganha dinheiro, quais são seus ativos, passivos e quais os principais indicadores que a própria gestão da empresa olha para definir se seus resultados estão positivos ou negativos. Alguns dos principais indicadores para você entender a margem de segurança daquela empresa são:

Preço/lucro

O preço/lucro, também conhecido como P/L é bastante utilizado para entender se o preço da ação está atrativo comparado às ações de outras empresas do mesmo setor. Em geral, quanto mais baixo, principalmente em relação a seus pares, mais atrativos.

Preço/valor patrimonial

O P/VPA é um indicador que compara o preço da ação com o patrimônio líquido dela, geralmente, quanto mais baixo, mais barata a companhia está, chegando em alguns casos de empresas a serem negociadas de maneira mais barata que seu patrimônio líquido.

EBTIDA

O EBTIDA significa em inglês earning before interest taxes, depreciation and amortization, que em português é lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização. Esse indicador diz respeito ao desempenho operacional da companhia, pois mostra quanto ela lucra antes de ter que considerar esses outros elementos.

Rendimento de dividendos

Esse indicador é extremamente relevante para investidores que procuram comprar ações de uma determinada empresa pensando em receber dividendos (parte do lucro) delas. Ele mostra o retorno de proventos pagos nos últimos 12 meses com base na cotação atual da ação.

ROE (Retorno sobre o Patrimônio Líquido)

O ROE é um indicador que mede a eficiência da gestão da própria empresa e mostra o quanto ela consegue crescer. Ele geralmente mede o quanto cada R$ 1 aplicado pelos investidores traz em remuneração para eles, ou seja, o quanto a empresa consegue agregar valor a cada real investido nela. Quanto maior, melhor.

Além desses indicadores, existem vários outros, cabe ressaltar que você não deve em hipótese alguma olhar apenas um indicador isoladamente para comprar ações de uma empresa, pois, apenas ele não vai ser o suficiente para fazer uma análise bem realizada e entender se faz sentido ou não para sua estratégia de investimento inserir a companhia na sua carteira.

Conclusão

Além dos indicadores e das formas de analisar as empresas citadas neste texto, você deve buscar entender o cenário macroeconômico, como: o quanto a subida ou a queda da taxa de juros impacta a companhia, o quanto o aumento da inflação impacta na empresa e no seu resultado operacional e vários outros fatores que afetam diretamente seu desempenho.

Por exemplo, se for uma empresa que possui a maior parte de seu faturamento em dólar, a alta do dólar pode melhorar seu desempenho operacional, já se ela possui receita em real e custos em dólar, ela pode até ter melhorado seu desempenho operacional, mas seus lucros podem diminuir por conta desse fator.

Portanto, entender o cenário macroeconômico, analisar os indicadores financeiros além dos citados neste conteúdo em conjunto e entender a concorrência e outros fatores relevantes da companhia é extremamente importante antes de você tomar a decisão de investir nela.

Source link

Amazon Coaching Grátis

Venda 25K Dólares com apenas um Produto no Amazon.

Artigos Relacionados

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

dezoito + 2 =

- Ana Pereira -spot_img

Últimos Artigos